RISCO: Após estragos na América Central, furacão Irma perde força antes de chegar no litoral dos EUA

Fonte: Agência Brasil

RISCO: Após estragos na América Central, furacão Irma perde força antes de chegar no litoral dos EUA

Crédito da Foto: Reprodução / Erik S. Lesser / EPA / EFE

O furacão Irma foi rebaixado nesta segunda-feira (11/9) à categoria de tempestade tropical junto à costa oeste da Flórida, avançando rumo ao norte dos Estados Unidos, informou o Centro Nacional de Furacões dos EUA (NHC, na sigla em inglês).

LEIA MAIS11 DE SETEMBRO: Dezesseis anos depois, EUA é novamente alvo de uma tragédia; Desta vez, o furacão Irma

O fenômeno ainda apresenta sequências fortes de vento, mas está previsto seu progressivo enfraquecimento, até que a partir de amanhã se torne uma depressão tropical. Entretanto, os ventos ainda são sentidos a 95 quilômetros do centro, especialmente na parte oeste, estendendo-se a até 665 quilômetros de distância.

Até agora, são três as mortes confirmadas como consequência do Irma na Flórida, mas a rede de televisão ABC informou hoje sobre duas novas vítimas, ambas por acidentes de trânsito decorrentes do fenômeno.

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos na página facebook.com/aratuonline e também pelo youtube.com/televisaoaratu.

Publicado originalmente às 14h39*